Última atualização:

Reflexões sobre a grande beleza

 Alguns criticam o diretor Paolo Sorrentino por sua suposta imitação de Fellini. Em A Grande Beleza (2013) essa tentativa de reproduzir o estilo do mestre se evidenciaria sobretudo na escolha das personagens exóticas – a santa, a editora anã... – e na celebração de Roma. Há nessa crítica um tanto de verdade e outro tanto de exagero.

reflexões-sobre-a-grande-beleza